DOMINGO

Dia de descanso, depois de uma sexta internacional de curtiçoes, e aventuras, sábado intenso e sem falar da semana de grandes labutas, o cansaço se instala, os olhos começam a se fecharem, já não há disposição para correr e passeios intensos, os bocejos são constantes, resistência inútil, o anoitecer surge, mas a energia se foi.

Um banho reanima e a energia se renova, e mais um compromisso, uma secção de cinema ou uma peça teatral, uma ópera, ou até mesmo uma partida de futebol, as horas passam voando, e nem nos damos conta do tempo que deveríamos reservar ao descanso para enfrentar a semana que mal começa. O corpo já não mais consegue resistir ao cansaço, sentado em frente ao televisor adormece e acorda com o amanhecer, o Sol da segunda-feira desperta, o corre corre se inicia e renovado se apronta para mais uma semana de labuta.

O que nos impulsiona são os compromissos financeiros, são tantos que o capital mensal está longe de honrá-los, melhor do que nada. Os dias passam e novamente domingo, descanso.

Publicado por MARIA DE FÁTIMA PACHECO

Professora e Escritora.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um novo site no WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: